Doom Eternal

De Brdoom Wiki
Ir para: navegação, pesquisa

Doom Eternal é a sequência de Doom (2016), anunciado pela Bethesda e pela id Software na apresentação do BE3 em 10 de junho de 2018 . Outras informações, incluindo uma revelação do gameplay, foram mostradas na QuakeCon 2018, em 10 de agosto. Previamente planejado para lançamento em 22 de novembro de 2019, em outubro, o jogo foi adiado até seu efetivo lançamento em 20 de março de 2020 para PC, Xbox One e PlayStation 4.  Foi anunciado em 19 de março de 2019 que Doom Eternal também teria suporte para Google Stadia.

Embora originalmente programado para um lançamento simultâneo no Nintendo Switch , co-desenvolvido pela Panic Button , no atraso de outubro foi declarado que a versão Switch seria lançada em uma data posterior ainda.  A versão Switch foi lançada em 8 de dezembro de 2020.

Doom Eternal foi adicionado ao serviço de assinatura do Xbox Game Pass a partir de 1 de outubro de 2020,  e mais tarde foi estendido para acesso através do Xbox Game Pass para PC em 3 de dezembro do mesmo ano.

História

Aviso de spoiler: detalhes do enredo a seguir.

Passado dois anos após Doom (2016), cerca de 60% da Terra foi conquistada pela invasão demoníaca. Com os militares da Terra indefesos para mudar os rumos da guerra e a maioria dos humanos mortos durante o primeiro mês da invasão, naves estelares são criadas para preservar o restante da humanidade e colocá-la em órbita enquanto as forças militares restantes se reúnem em torno do ARC (Coalizão de Resposta Armada).

É aí que o Doom Slayer (acompanhado da VEGA) chega para salvar a humanidade, matando os três traiçoeiros sacerdotes do Inferno , que Khan Maykr enviou à Terra para comandar os invasores e realizar o ritual que faria da Terra uma expansão do Inferno. Durante sua busca por eles, ela recupera o corpo danificado de Samuel Hayden junto com o Crucible e a mente de Samuel é transferida para a Fortaleza do Destino para ajudar o Slayer em sua busca.

Depois que mata os sacerdotes, Khan Maykr decide ressuscitar o Ícone do Pecado para garantir que o ritual da Terra não seja interrompido. O Slayer vai para obter a sua Crucible e invade Urdak, lar dos Maykrs, impedindo-os de tomar o controle da Ícone do Pecado.

Khan Maykr é morta após tentar impedir o Slayer de retornar à Terra e após uma batalha desesperada, o Ícone também cai, forçando o exército demoníaco a recuar. Enquanto a Terra celebra a salvação, o Slayer parte para continuar sua guerra sem fim contra os exércitos do Inferno.

Os spoilers acabam aqui.

Detalhes

De acordo com Marty Stratton e Hugo Martin da id Software , o jogo apresenta um Doom Slayer ainda mais poderoso enfrentando o dobro de espécies de demônios, com o jogo ambientado na Terra, Fobos, Marte e Inferno. Entre suas novas habilidades, o Doom Slayer pode até dois "piques" seguidos, mesmo no ar, usar estruturas altas como trampolim, tais como postes, além escalar e pular entre paredes marcadas rusticamente, lembrando a série Tomb Raider . Orbes especiais com a marca do Slayer são como as runas do jogo anterior, mas dão poderes rúnicos sem desafios.

Mick Gordon está voltando como o compositor da trilha sonora do jogo e confirmou que a fórmula usada no jogo anterior será repetida para a sequência.  É confirmado que as músicas dos jogos anteriores da série serão refeitas.

Foi confirmado pela id Software na QuakeCon que o SnapMap não retornará. No entanto, acredita-se que um pacote DLC para um jogador esteja incluído.

O jogo utilizará a próxima iteração do motor id Tech , id Tech 7. Embora nenhum detalhe concreto tenha sido revelado, a id Software reivindicou "dez vezes mais detalhes geométricos e maior fidelidade de textura." A análise inicial das imagens do jogo não revela mudanças visuais dramáticas em relação ao Doom 2016, mas o mapeamento de deslocamento pode ter sido adicionado ao motor, permitindo que a arquitetura próxima ao jogador seja adaptativamente tesselada, sendo mais fidedigna.

A Bethesda anunciou que o jogo será lançado na plataforma Steam para PC em um tweet postado em 25 de março de 2019, acabando com as especulações de que o jogo seria lançado exclusivamente na plataforma da empresa.

Na QuakeCon 2019, a id Software revelou que o jogo, em vez dos colecionáveis ​​Doomguy, terá colecionáveis ​de todos os demônios, que também estarão disponíveis como bonecos de ação.

Edições

Padrão

A edição padrão é uma caixa com um disco para Xbox One ou PlayStation 4, ou uma chave Bethesda.net para PC. Esta edição também está disponível na Steam.

Edição de luxo

A Edição Deluxe adiciona o subconjunto digital de bônus também disponível na Edição de Colecionador:

  • Passe de um ano, com acesso aos dois primeiros DLCs da campanha, lançamento previsto para o primeiro ano do jogo.
  • Tema de Demonic Slayer
  • Pacote de sons das armas clássicas

Esta edição também está disponível no Steam.

Edição de Colecionador

Em 9 de junho de 2019, a Bethesda anunciou  a Edição de Colecionador para Doom Eternal, incluindo:

  • Versão real do capacete do Doom Slayer
  • Fita cassete com as trilhas sonoras de Doom (2016) e Doom Eternal
  • Estojo Steelbook
  • Livro de tradição
  • Litografia "The Gift of Argent"

O conteúdo digital inclui os três itens de bônus também incluídos na Edição de Luxo. As edições físicas para PC incluem uma chave Bethesda.net.

Bônus de pré-venda

Rip and Tear Pack

As encomendas de qualquer edição adicionam o seguinte conteúdo por meio do Rip and Tear Pack :

  • Download digital do Doom 64 para o sistema de correspondência
  • Tema da revenant Doot
  • Tema clássico da Espingarda
  • Master Level da Campanha bônus Base Cultista

Bônus exclusivos do fornecedor

  • A Best Buy ofereceu uma caixa de aço do Doom Eternal Scanavo exclusiva com pré-vendas de qualquer edição do jogo.
  • A GameStop ofereceu uma mini lancheira de lata nas pré-vendas.

Demônios

Trailer do teaser de 2018

De Ambiente

  • Totem de Benefício: Estruturas que não atacam sozinhas, mas continuamente convocam e fortalecem outros monstros até serem retirados do chão com um ataque melee.
  • Bola Branca : É a nova versão do engenheiro possuído e não ataca mais o jogador. Agora é um demônio utilitário, o Slayer pode socá-lo em qualquer ângulo sem cambalear para ferir outros demônios.
  • Tentáculo : esses tentáculos às vezes aparecem em buracos no solo. Eles são facilmente destruídos com a motosserra , metralhadora ou a doze de cano duplo.

Descartáveis

  • Gárgula : Inimigos parecidos com ímpios, com um ataque de ácido e capacidade de vôo limitada.
  • Diabrete: retornaram fisica e nitidamente mais fortes. Também têm olhos vermelhos brilhantes.
  • Alma perdida (Lost Soul)
  • Drone Maykr: Maykrs de baixo escalão. Surpreendentemente bem protegido para um demônio de baixo nível, mas leva muito dano se levar um balaço na cabeça.
  • Zumbi ciborgue: vertente mais agressiva dos zumbis. São equipados com lança-chamas.
  • Soldado Infernal (Blaster) : Funcionalmente idêntico aos soldados possuídos de Doom (2016), se parecem muito com os Zombiemen de Doom e Doom II.
  • Soldado Infernal com escudo (Shield) : Funcionalmente semelhante ao segurança possuído de Doom (2016). se parecem muito com os Shotguys de Doom e Doom II.
  • Mortos-vivos: Possui várias versões que dependem do nível, duas das quais se assemelham aos Possuídos e Reticentes de Doom (2016).

Pesados

  • Aracnotron : "filhotes" da Spider Mastermind que atacam com plasma. Podem escalar paredes e tetos.
  • Cacodemônio: sua aparência foi modificada e têm sangue azul. Eles agora têm uma mordida de longo alcance e podem atirar bolas de fogo mais velozes.
  • Carcaça: Um zumbi cibernético avançado capaz de projetar um escudo que protege outros monstros.
  • Mancubus Ciborgue: agora capaz de atacar com lança-chamas, como sua espécie padrão.
  • Cavaleiro do Medo (Dread Knight): Ciberneticamente aprimorado, pode atacar de longa distância.
  • Cavaleiro Infernal (Hell Knight): muito semelhante ao de Doom 2016.
  • Mancubus : agora se assemelha muito à versão de Doom II.
  • Elemental da Dor (Pain Elemental): Pode gerar almas penadas e usá-las como explosivos.
  • Rosadinho: muito semelhante ao de Doom 2016.
  • Predador: agora ocorre como um monstro no modo single-player.
  • Insepulto (Revenant): agora pode disparar mísseis teleguiados tal qual sua versão de Doom II.
  • Espectro: versão parcialmente invisível do Pinky.
  • Açoitadora: Uma demônio-fêmea serpente que ataca com chicotes.

Super Pesados

  • Arquivil (Arch Vile): Substitui o invocador (summoner). Capaz de invocar e fortalece monstros, tal como o Totem e pode gerar um escudo de fogo para bloquear ataques frontais. Ele ataca conjurando labaredas e poças de fogo, e pode se teletransportar para sair do alcance.
  • Barão do Inferno (Baron of Hell): O Barão agora possui uma paleta cinza sólida e empunha espadas de fogo. Agora tem uma estrutura esquelética flamejante, em vez de um corpo orgânico como a maioria dos outros inimigos.
  • Caçador Infernal: Um demônio cibernético armado com múltiplos sistemas de armas e um escudo de energia, montado em um trenó voador para maior mobilidade.
  • Saqueador (Marauder): Um Sentinela da Noite traidor e com poder demoníaco, sendo quase tão hábil quanto o Doom Slayer e capaz de se defender de todos os ataques, exceto os executados "no tempo certo".
  • Tirano (Tyrant) : Uma nova iteração na classe do Ciberdemônio, muito semelhante à versão clássica, mas foi rebaixado em relação a ela.

Chefes

  • Gladiador : Um demônio com uma armadura semelhante ao clássico Hell Knight que luta com um mangual e um escudo.
  • Ídolo do Pecado : Anteriormente presente como um Easter Egg, agora ele se apresenta como o chefe final em suas formas blindadas e sem armadura. Sua nova blindagem é baseada na tecnologia Maykr.
  • Khan Maykr : A líder dos Maykrs e antagonista de Doom Eternal.

Outros

  • Kalibas: é um grande cérebro, sendo parte da base Nekravol. Possui vários tentáculos e é protegido por um campo de força e vários lacaios com formato de olho.
  • Titã

Mecânica de jogo

Um novo sistema de dano chamado " demônios destrutíveis " é introduzido no jogo, permitindo que os monstros bloqueiem ataques, de acordo com o montante e tipo de dano que levam. Este sistema também tem vantagens táticas, pois permite que os jogadores destruam as armas de alguns inimigos para desabilitar certos ataques inimigos. Além disso, os demônios também podem sentir o dano, interrompendo brevemente seus ataques.

A mobilidade foi expandida; uma nova habilidade de colisão foi adicionada, bem como escalar paredes e balançar em estruturas altas que estão todo o ambiente. Você pode correr duas vezes (mesmo no ar) antes de precisar descansar, e há itens de recarga do painel no ambiente. A escopeta de cano duplo também possui uma "âncora ('gancho de carne')" que permite ao Doom Slayer agarrar um inimigo e puxar-se até ele. Com mais opções de movimento, as seções transversais tornaram-se mais complexas, incorporando vários perigos, como correntes em chamas, plataformas em queda e campos traiçoeiros. Ao contrário do jogo anterior, cair nessas seções retornará instantaneamente o jogador à sua última posição ao custo de alguns pontos de vida. Partes aquáticas foram adicionadas ao jogo.

O Slayer também tem uma nova habilidade: o "punho sangrento", um ataque muito mais poderoso que o soco comum, causando danos bem maiores. Tal ataque é carregado a cada dois demônios mortos gloriosamente.

Ocasionalmente, um demônio fortalecido pode aparecer no modo de campanha, com o nome de um jogador que foi morto por aquele demônio em seu próprio jogo. Eles são mais fortes do que o normal e dão recompensas especiais quando derrotados. Demônios com poderes são estritamente opcionais. Embora demonstrado antes do lançamento e disponível como uma opção no menu, o recurso de demônios com poderes foi totalmente adicionado no verão de 2020.

Além disso, o Doom Slayer agora tem uma sede pessoal chamada A Fortaleza da Condenação (The Fortress of Doom) , uma estação espacial parecida com um castelo orbitando a Terra e que serve como uma central do jogador. As Baterias Sentinelas estão espalhadas pelo jogo e podem ser coletadas para colocar a Fortaleza online, desbloqueando mais áreas para explorar. Outra característica da Fortaleza é o patíbulo ('Ripatorium'), uma prisão demoníaca que funciona como um campo de treinamento.

Pontos de arma, regalias rúnicas e atualizações de traje retornam, contendo atualizações novas e familiares. Cristais sentinela substituem as células Argent como o método para atualizar a vida, armadura e munição do jogador.

Encontros secretos e Portais da Retaliação são encontros de combate opcionais em cada nível. Os Portais são únicos por serem batalhas campais e só podem ser acessados ​​encontrando chaves secretas escondidas nos mapas.

Devido ao aumento de dificuldade do jogo anterior, vidas extras podem ser encontradas no jogo. Isso permitirá que o Doom Slayer reviva imediatamente se for morto em vez de ser enviado de volta ao último checkpoint.

O Codex retorna do jogo anterior, com o recurso adicional de listar as fraquezas do inimigo. Em vez de datapads, o lore está espalhado pelo mundo do jogo na forma de páginas flutuantes em chamas.

Armas

  • O Slayer soca seus oponentes em vez de espancá-los usando sua arma atualmente em punho. A morte gloriosa recarrega o "Punho Sangrento", um soco de grande poder que causa dano em área.
  • Balista, semelhante ao canhão Gauss original, com um novo tiro explosivo e modificações de "lâmina destruidora".
  • BFG-9000 , que retornou. Agora ele usa 30 munições por tiro e recebe 30 munições por célula, em vez da anterior (1 munição por tiro e por coleta). A nova contagem de munições é destinada a Unmaykr, que usa 1 munição por tiro.
  • Motosserra, idêntica à sua versão de 2016, mas em vez de "Painsaw", agora é referida como Mixom "Dopesaw".
  • Metralhadora giratória, que agora dispara projéteis de energia semelhantes à pistola no jogo anterior, usando a mesma munição do Canhão. O mecanismo foi substituído por um escudo, já que não precisa mais da mecânica para disparar.
  • A escopeta de caça, com o tiro carregado original substituído por munição automática e o tiro explosivo sendo substituído por uma bomba pegajosa.
  • Crisol - Usado para matar instantaneamente os inimigos de forma gloriosa. Funciona de maneira semelhante à motosserra, mas cada tipo de inimigo custa uma rajada e os inimigos mortos deixam vida em vez de munição. O Crisol carrega três rajadas. É um artefato distinto do Crisol demoníaco recuperado em Doom (2016) .
  • A Doomblade, uma lâmina retrátil no braço usada em matanças gloriosas.
  • Lança-chamas , uma arma alternativa de disparo de napalm no ombro que incendeia os inimigos, que soltam fragmentos de armadura.
  • Granada de Gelo, um projétil disparado do ombro que congela os inimigos temporariamente.
  • Lança-projéteis, que agora fica localizada no ombro em vez de ser lançada manualmente, como era no Doom (2016).
  • Canhão Pesado, com uma mira e um tiro de micro-míssil, semelhante ao rifle de assalto original.
  • Fuzil de plasma, com uma nova aparência inspirada no rifle de plasma clássico e com o tiro de bomba paralisadora substituído pelo raio de microondas, que desacelera e machuca os inimigos, fazendo-os explodir com dano de respingo se mortos.
  • Lança-foguetes, com nova aparência demoníaca e um tiro de Detonação Remota.
  • Superescopeta, que agora inclui um dispositivo semelhante a uma âncora atualmente conhecido como o "gancho de carne", que é usado para "ancorar" inimigos à distância.
  • O Desmaykr, uma arma secreta que requer seis chaves imperiais para ser usada na Fortaleza da Condenação . Uma arma Maykr automática que usa células BFG.

Uma pistola também foi implementada no jogo, mas não pode ser usada normalmente. Ela só pode ser obtida usando um comando de console que não costuma estar disponível.

Missões

Campanha Base

  • Fortaleza da Destruição (Fortress of Doom) (Hub)
  • Inferno na Terra (Hell on Earth)
  • Exultia
  • Base do Cultista
  • Base do Caçador Infernal (Doom Hunter base)(três deles são subchefes)
  • Super Ninho de Sangue (Super Gore Nest)
  • Complexo ARC (O Marauder é subchefe.)
  • Núcleo de Marte
  • Sentinela Primordial (Sentinel Prime) (O Gladiador é o chefe)
  • Taras Nabad
  • Nekravol
  • Nekravol - Parte II
  • Urdak (Khan Maykr é chefe)
  • Pecado Final (O Ícone do Pecado é o chefe)

Os Deuses Anciões, Parte Um

  • Unidade Atlântica da UAC
  • Cargueiro ARC (Hub)
  • Os Pântanos de Sangue (Blood Swamps)
  • O Bosque (Samur Maykr é o chefe).

Os Deuses Anciões, Parte Dois

  • A Lança do Mundo (The World Spear)
  • Terra Reavida (Reclaimed Earth)
  • Immora
  • O Senhor da Escuridão (o próprio é o chefe)

Master Levels

São um remix de níveis da campanha apresentando novas composições de inimigos consistindo em uma lista completa de demônios, tornando-os mais desafiadores do que o original. Até agora, quatro deles foram lançados, com outros em desenvolvimento.

  • Base dos Cultistas (lançado como um bônus de pré-venda)
  • Complexo ARC
  • Super Ninho Sangue
  • Taras Nabad

Expansões

A primeira expansão para download de Doom Eternal, The Ancient Gods, Part One, foi oficialmente anunciada pela Bethesda durante a transmissão QuakeCon at Home na Twitch em 7 de agosto de 2020, com o lançamento de um teaser trailer. Um trailer completo ocorreu em 27 de agosto, com a data de lançamento confirmada para 20 de outubro.

A segunda expansão, The Ancient Gods, Part Two, foi oficialmente anunciada pela Bethesda em 16 de março de 2021, com o lançamento de um teaser trailer. Um trailer completo seguiu em 17 de março de 2021 e foi lançado no dia seguinte.

Multijogador

Um novo recurso multijogador chamado "Demon Invasion" (também conhecido como "grupos de caça de Slayer") foi anunciado, permitindo que os jogadores participassem de incursões nas campanhas de outros jogadores para jogar como demônios de maneira semelhante à runa demoníaca do primeiro jogo . A participação é opcional. O lançamento do modo Invasion foi inicialmente atrasado para o período pós-lançamento mas cancelado em julho de 2021, em parte devido à pandemia de coronavírus. Em vez disso, a id se concentrará em um novo modo Horda para um jogador.

Embora tenha sido declarado no QuakeCon 2018 que o multijogador tradicional também seria incluído, desta vez sendo desenvolvido internamente na id Software, foi posteriormente explicado que modos comuns como deathmatch não estão planejados para inclusão. De acordo com o anúncio da E3 2019, haverá um "modo de batalha ", onde um jogador controlando o Doom Slayer luta contra dois demônios controlados por outros jogadores, que também podem invocar demônios controlados por I.A. mais fracos, como ex-humanos e drop hazards. Os demônios jogáveis ​​são o revenant, mancubus, Marauder, Pain Elemental e Arch-Vile.

Modos futuros foram mencionados pelos desenvolvedores, incluindo um modo de "basquete".

Curiosidades

  • Tanto Doom como Doom II são totalmente jogáveis ​​no jogo através de um clássico PC da década de 1990 localizado na morada do Slayer na Fortaleza da Condenação (devem ser desbloqueados primeiro). No PC, estão as cópias da versão PSN de DOOM.WAD e da versão Bethesda.net de DOOM2.WAD que estão incluídas no diretório de instalação do jogo, em "<pasta do Doom eternal>/base/classicwads" . O lançamento na Steam de Doom Eternal inicialmente omitiu esses arquivos por engano, o que resultou em um travamento se o jogador tentasse reproduzi-los; isso foi corrigido logo após o lançamento.
  • O Doomguy tinha linhas de voz adicionais que permanecem nos arquivos do jogo como conteúdo cortado.